Skip to main content
Dicas CW Tour

EMISSÃO DE VISTOS PARA CANADÁ, ESTADOS UNIDOS E MÉXICO

By 14 de dezembro de 2021No Comments

Com a retomada das viagens, a busca por regularização dos documentos e vistos está em alta. Para facilitar o entendimento do processo, nesse artigo preparamos algumas orientações quanto aos procedimentos necessários para visto em 3 países muito procurados pelos brasileiros, Canadá, Estados Unidos e México.

CANADÁ (TRABALHO E ESTUDO)

 O Canadá possui diversos tipos de vistos, inclusive o “Temporary Visa”. Essa modalidade de visto é solicitada quando você está em conexão e desembarca no Canadá, ou seja, um visto de permanência curta.

VISTO PERMANENTE (PERMANENT VISA)

Esse tipo de visto é aplicado a quem deseja estudar e trabalhar no Canadá. Se você for elegível então poderá desfrutar dos mesmos direitos dos Canadenses, mesmo sem ter a cidadania ainda, que pode ser solicitada após um período de residência no país, podendo estudar e trabalhar.

O VISTO W-1 também conhecido como WORK PERMIT inclui diferentes permissões de trabalho, mas é necessário ter uma proposta de emprego emitida pela empresa, além de se submeter a um teste de proficiência nos idiomas Inglês ou Francês, idiomas oficiais do Canadá.

A solicitação de visto deverá ser feita através do site: https://www.canada.ca/en.html onde você preencherá o formulário e aguardará o retorno das autoridades informando os próximos passos. É importante frisar que esse tipo de visto é permitido mediante a comprovação de, no mínimo, um ano de experiência na atividade desejada.

Existe a cobrança de duas taxas nessa modalidade. Ao realizar a inscrição, as taxas devem ser pagas. A taxa do exame de proficiência no Brasil, custa, aproximadamente, R $800,00. Para conseguir pontos por formação, é importante ter o ECA REPORT, que vale em média C$233,91. Ainda é necessário desembolsar C$550,00 para o processo de documentação e C$490,00 por pessoa que deseje trabalhar no país.

VISTO DE ESTUDANTE

Se você pretende estudar no Canadá, existem dois tipos de vistos bem próximos entre si, que são os vistos S-1 e SW-1. O que muda entre eles são as permissões que cada um lhes dá.

Para ter acesso a cada um deles é necessário apresentar uma carta de aceitação de uma Designated Learning Institutions, que são instituições de ensino conveniadas ao governo. O pedido para tirar o visto canadense pode ser feito de maneira online ou postal.

Para solicitar essa modalidade você deve acessar o site do Governo Canadense através do link e solicitar seu visto de estudante. Mas fique atento a toda documentação que deve ser enviada junto a sua solicitação.

Link: https://www.canada.ca/fr/immigration-refugies-citoyennete/services/etudier-canada.html

ESTADOS UNIDOS

O consulado dos Estados Unidos voltou a emitir e renovar vistos desde o último dia 8, porém prepare-se para um grande prazo para conclusão do processo, afinal a espera de brasileiros e estrangeiros tentando visitar o país é grande e a fila de espera pode demorar mais de 3 meses.

Existem dois tipos de vistos americanos, o visto B1, que é concedido a quem deseja visitar o país a negócios e o B2 para quem deseja ingressar nos EUA para turismo.  Esse visto tem validade de 10 anos, mas o tempo de permanência dependerá da  finalidade de sua visita, as datas de permanência são designadas pelo consulado.

Você precisará preencher o formulário de solicitação no link do consulado e separar a documentação que pode ser bem burocrática. Separamos aqui alguns dos documentos que poderão ser solicitados.

  • Passaporte válido
  • Passaportes antigos com vistos anteriores
  • Carteira de Trabalho
  • Declaração de Imposto de Renda
  • Holerites de meses recentes
  • Certidão de casamento/nascimento
  • Extratos bancários recentes
  • Comprovativo de matrícula na escola ou faculdade
  • Escrituras

Após o primeiro contato do preenchimento, você entrará na fila de espera para entrevista que determinará sua entrada ou não nos EUA.

Acesse o link de solicitação de visto e preencha o formulário: https://ais.usvisa-info.com/pt-br/niv

MÉXICO (TURISMO)

Se sua viagem está marcada para o México saiba que algumas coisas mudaram em relação a entrada de brasileiros que ingressam no País. O Governo mexicano informou que a partir de 11 de dezembro os brasileiros também precisarão de visto para entrar no país, exceto:

Brasileiros que tenham residência permanente no Canadá, Estados Unidos da América, Japão, Grã-Bretanha e Irlanda do Norte ou qualquer um dos países que compõem o espaço Schengem, bem como países do pacífico como Peru, Chile e Colômbia.

Visto vigente dos países: Canadá, Estados Unidos da América, Japão, Grã-Bretanha e Irlanda do Norte ou qualquer um dos países que compõem o espaço Schengem. Esse visto precisa ser solicitado junto às autoridades consulares de forma física.

Turistas que chegaram ao país por vias aquáticas em cruzeiros e navios, podem ficar até 7 dias sem visto no país.

Os turistas nacionais dos seguintes países, desde que munidos de passaporte com validade que cubra completamente a viagem:

Alemanha, Andorra, Argentina, Austrália, Áustria, Bahamas, Barbados, Bélgica, Belize, Bolívia, Brasil, Bulgária, Canadá, Chile, Chipre, Colômbia, Coreia do Sul, Costa Rica, Croácia, Dinamarca, Emirados Árabes Unidos, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Estados Unidos da América, Estônia, Finlândia, França, Grécia, Hungria, Ilhas Marshall, Irlanda, Islândia, Israel, Itália, Jamaica, Japão, Letônia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Macau (Região Administrativa), Malásia, Malta, Micronésia, Mônaco, Noruega, Nova Zelândia, Países Baixos (Holanda), Palau, Panamá, Paraguai, Peru, Polônia, Portugal, Reino Unido da Grã-Bretanha, República Tcheca, Romênia, San Marino, Singapura, Suécia, Suíça, Trinidad e Tobago, Uruguai e Venezuela.

O prazo máximo que poderá ser autorizado para permanecer no país será de 180 dias.

Para solicitação de vistos, acesse o link: https://embamex.sre.gob.mx/brasil/index.php/inicio